terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Acreditar em Jesus?

Lucas 7: 18-20 (NTLH)
Os discípulos de João Batista contaram tudo isso a ele. Aí João chamou dois deles e os enviou ao Senhor Jesus para perguntarem: “O senhor é aquele que ia chegar ou devemos esperar outro?” Então eles foram até o lugar onde Jesus estava e disseram:
— João Batista nos mandou perguntar o seguinte: o senhor é aquele que ia chegar ou devemos esperar outro?

É engraçado eu ter passado tantas vezes por este versículo e nunca ter percebido uma coisa, João manda seus discípulos perguntarem à Jesus se ele é o messias ou se devem esperar outro. Apenas contextualizando, isso aconteceu após Jesus ter acabado de ressuscitar o filho único de uma viúva.

Por que esta pergunta é engraçada?

Porque se já não bastasse o milagre que Jesus tinha acabado de realizar, vamos voltar um pouco e lembrar que em Mateus 3 do versículo 11 até o versículo 14 vemos João anunciando que viria alguém muito mais importante que ele, logo após isso Jesus chega e o próprio João o reconhece dizendo que era ele quem deveria ser batizado por Jesus e não o contrário. Vou um pouco além, depois do batismo vemos no versículo 16 deste mesmo capítulo que o Espírito Santo de Deus veio à Jesus em forma de pomba no versículo 17 diz que do céu veio uma voz dizendo: — Este é o meu Filho querido, que me dá muita alegria!

Caramba, o cara vê tudo isso e ainda manda seus discípulos perguntarem se Jesus é o que deveria vir ou se deveriam esperar por outro. Mas este João era um incrédulo, um perdido, um vacilão!
Garanto que eu e você e qualquer outra pessoa nunca duvidamos que Jesus é o messias, o salvador, o único que pode mudar nossas vidas e o mundo! Certo?

ERRADO!

Por que é tão difícil acreditar em Jesus?

Por que é tão difícil admitir que Ele veio para nos salvar e que é sobre Ele que devemos descansar?

A Bíblia está cheia de afirmações que Ele veio para que tenhamos vida, que Ele veio para tirar o pecado do mundo, que Ele é a porta que nos leva ao Pai, que Ele tem o fardo leve e que os nossos fardos devem ser depositados sobre Ele!

Por que é tão difícil acreditar em Jesus?

Por que é tão difícil descansar na vontade dEle e aceitar que Ele está cuidando de nós? Mesmo que a situação em si não mostre isso.

Revolto-me com minha falta de fé, me revolto com minha incredulidade e me revolto com a incredulidade das pessoas.

Em Mateus 5: 8-10 vemos um oficial romano tão crente no poder de Jesus que manda seus funcionários dizerem à Jesus que ele não é digno de receber o seu Senhor em sua casa, mas que apenas uma palavra de Jesus salvaria o seu empregado! O próprio Jesus diz que nunca viu tamanha fé (versículo 10).

Tenho certeza que Jesus já fez algo em sua vida, assim como já fez na minha! E também sei que não foi apenas uma!

Por que é tão difícil acreditar em Jesus?

Eu não sei responder essa pergunta, talvez porque somos imediatistas, talvez porque temos a memória curta, talvez simplesmente porque somos humanos. Mas eu só sei de uma coisa, quero muito que Deus converta verdadeiramente meu coração ao ponto de ter pelo menos a metade da confiança que o oficial romano teve em Jesus!

“Senhor me perdoa! Perdoa minhas dúvidas, minha falta de fé, minha vontade de resolver as coisas por conta, por ficar desesperado e não confiar na Sua vontade e no Seu amor!
Converte verdadeiramente meu coração! É isso que te peço em nome de Jesus! Amém”

Que Deus abençoe o seu dia meu irmão!

Com amor em Cristo

Diego Cavalcante



domingo, 8 de dezembro de 2013

Ainda ontem

Ainda ontem eu era um menino, cheio de sonhos e pensamentos sobre como seria meu futuro.
Ainda ontem já era adolescente, descobrindo que a vida mesmo complicada oferecia diversos caminhos que me levariam a lugares seguros e felizes.
Ainda ontem, decidi desistir de um destes caminhos, deixar uma vocação porque nela não poderia haver você.
Ainda ontem vi meu futuro mudar, vi Deus fazendo coisas que não entendia, que nem ao menos sabia que era Ele quem fazia.
Ainda ontem decidi mudar, vendo que tudo era feito por este Deus, resolvi segui-lo de verdade e não apenas do jeitinho que eu achava que seguia.
Ainda ontem pensava cada dia mais em você!
Pensava em como você seria, em quando você viria, quem Deus escolheria para nós!
Ainda ontem tive medo diversas vezes.
Medo de não ser bom o suficiente, de não te suprir adequadamente, de ser falho em algo. Mas o amor que sentia crescendo em mim mesmo antes de você chegar me encorajava para o nosso encontro.
Ainda ontem alimentei esperanças, de ter encontrado aquela que o Paizão nos preparou, e ainda ontem vi por diversas vezes que nenhuma delas era boa o suficiente para a sua chegada e para a sua vida.
Ainda ontem desisti.
Desisti de esperar, desisti de reconhecer o que Deus tinha feito, desisti de sonhar e lutar ... e desisti de você. Pois na loucura em que eu estava, nas minhas duvidas e desânimos, não havia mais espaço para você, na forma como sempre te quis.
Ainda ontem o Paizão aprontou de novo. E quando tudo estava jogando no canto, Ele me apresentou aquela que Tinha preparado para nós!
Ainda ontem me apaixonei.
E amei como nunca havia amado e como nunca amarei. Esqueci tudo e todas que passaram e vi que quão grande perda de tempo foi me distrair ao invés de esperar.
Ainda ontem achei que estava tudo muito bom para ser verdade. Mas o Paizão foi mostrando que chegara a hora que Ele tinha planejado e que o quão bom não era motivo para duvidar e desanimar.
Ainda ontem voltei a sonhar com você.
E cada dia que passava o sonho se tornava mais real e mais palpável.
Ainda ontem descobri que você já existia!
E que chegava alguns meses antes do planejado como se quisesse fazer surpresa.
Ainda ontem descobri que te amava mais do que imaginara por toda vida.
E ainda sinto esse amor crescendo de uma forma infinita dentro do meu peito a cada minuto que passa.
Ainda ontem pensei em você!
Pensei em tudo que falta para sua chegada e tudo que tenho para fazer e dos receios que sinto em não te ser bom o suficiente.
Ainda hoje pensei tudo isso. E pensei também que Deus é extremamente maravilhoso para preparar uma pessoa que amo mais que tudo (sua mãe) e com ela me da você.
Ainda ontem nem sabia que você existia, mas hoje te sinto, te sonho, te espero.
Seu nome hoje é diferente do planejado há anos atrás, mas é o nome de quem muito amo e que mesmo sem você conhecer muito te ama também.
Ainda ontem,
Ainda hoje,
Amanhã ...
Você sempre conseguirá tirar lágrimas de emoção de um pai babão, considerado bravo, estressado e muitas vezes insensível, mas que te ama incondicionalmente.
Ainda ontem recebi da mulher que mais amo o melhor presente do mundo.
Ainda ontem tive certeza de minha maior vocação ... SER SEU PAI.
Te amo meu Guilhermo. E conto nos dedos cada semana que se passa para te ter em nossos braços eternizando ainda mais o amor que existe entre eu sua mãe!

Ainda ontem eu era um menino ... e serei sempre um menino ao seu lado meu filho!


Diego Cavalcante. 

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Limpando a maldade

Jeremias 4: 14 (NTLH)
Jerusalém, limpe a maldade do seu coração para que você seja salva. Até quando você vai continuar com os seus maus pensamentos?
Estava lendo o texto de Jeremias, confesso que nem sei o porquê estou lendo o livro de Jeremias, mas o fato é que depois de ler um devocional de um site de um conhecido meu (http://www.ichtus.com.br) fiquei pensando sobre o tema da mensagem, ou melhor das mensagens que eu estava lendo. Um deles falava de pirataria, roubar coisas digitais e outro sobre ouvir a voz de Deus.

Fiz exatamente o que o segundo devocional aconselhava, orei a Deus para que falasse comigo através do capítulo de Jeremias que iria ler em seguida e eis que eu não consegui chegar ao fim do capitulo. Meus olhos pararam sobre o versículo 14 e fiquei refletindo sobre o que o versículo diz.

“Limpe a maldade do seu coração para que você seja salva. Até quando vai continuar com seus maus pensamentos?”

Quantos de nós, mesmo convertidos, ainda não vivemos uma vida plena com Cristo? No nosso íntimo a maldade ainda impera. Muitos de nós se alegram ao ver seus inimigos sofrendo, ao ver uma pessoa má passando por alguma dificuldade, ao ver o desespero daquele desafeto do trabalho, da família ou de qualquer outro meio. Quantos de nós não carregam aquele ditado “Bandido bom é bandido morto!”? Isso mesmo depois da conversão.

A Bíblia nos diz que Jesus deve ser nosso espelho e que Ele deve ser Senhor da nossa vida, ou seja, que devemos fazer tudo o que Ele fez, faz e aprova. Mas qual era a atitude de Jesus referente às pessoas que “não valiam nada”?

Confesso que carrego muita maldade em meu coração ainda. Sinto até vergonha de confessar que me alegra quando um corrupto cai, quando um desafeto meu se dá mal, quando alguém que praticou injustiça comigo ou algum conhecido acaba “se ferrando”.
Não cabe a mim ter estes sentimentos, pois nem Deus os tem, cabe a mim orar por estas pessoas e por mim para que eu os ame. Falei aqui apenas deste tipo de maldade, mas o nosso coração pode estar cheio de tantas outras: não ajudar um necessitado, não dar atenção a um amigo, não respeitar nossos pais, ser egoísta e egocêntrico.

“Jerusalém, limpe a maldade do seu coração para que você seja salva.”

Somos salvos quando nos esvaziamos do que é ruim e nos enchemos do que é bom e o que é bom é Cristo!

“Senhor perdão pelas maldades que habitam em meu coração, perdão por não converter totalmente meu coração a Ti. Ensina-me como entregar cada área da minha vida ao seu Senhorio. Te peço isso em nome de Jesus. Amém!”

Que Deus o abençoe meu irmão e que o Pai possa te mostrar o que você tem que eliminar da sua vida.

Com amor em Cristo.


Diego Cavalcante.

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Amem as suas esposas!

Efésios 5:25 (NTLH)
Marido, ame a sua esposa, assim como Cristo amou a Igreja e deu a sua vida por ela. 

Escolhi esta versão para que fique bem fácil e claro de entender. Se você é cristão você conhece o amor de Cristo pela sua igreja (que somos nós e não as placas, são as pessoas e não os templos), se você não é cristão peço que comece a ler o Evangelho de Marcos se embasando em João 3:16.

Cristo amou incondicionalmente as pessoas e deu, literalmente deu, a sua vida para salvar todos os que nEle creram e crerão. Ele cuidava, curava, ouvia, se importava e se dedicava as pessoas.

O versículo acima é “simplesmente simples” (redundância para ficar claro a simplicidade mesmo). A M E  A  S U A  E S P O S A  C O M O  C R I S T O  A M O U  A  I G R E J A !
Não é uma sugestão, nem um conselho é uma ORDEM! Casou? Ame! Dê a sua vida por ela!

Ah Cavalcante você não conhece a esposa que eu tenho, se você conhecesse você pensaria muito antes de escrever isso! Verdade, eu não conheço, mas você a conhece e casou com ela, então AME! Ela tem defeitos? Te enche a paciência em algumas vezes? Em alguns casos não reconhece o que você faz por ela? Hum isso me lembra “alguéns” ... VOCÊ, EU e TODO MUNDO diante do amor de Cristo e mesmo assim Ele não deixa de nos amar!
Dê a sua vida por ela, pois você já é um com sua esposa!

Cristo amou e por amar não traiu, mesmo sendo traído Ele não traiu! Então por que você acha que pode trair?

Cristo amou e por isso perdoou, em todas as vezes! Então por que você não perdoa a sua esposa quando ela erra em algo com você?

Cristo amou e por isso curou! Por que você não cuida da sua esposa quando ela está doente? Ou por que você não a ajuda a resolver seus problemas? Ou superar traumas?

Cristo amou e por isso ensinou! Por que muitas vezes você deixa sua esposa na ignorância? Você sabe que algo vai dar errado e deixa que ela aprenda isso da pior maneira? Ou se exime desta responsabilidade e delega esta função a outras pessoas?

Cristo amou e conquistou, incentivou e encorajou! O que você tem feito para conquistar, reconquistar e reconquistar sua esposa? Quais são as palavras de incentivo e encorajamento que você tem dado à ela? Cadê as palavras de carinho? Onde estão os elogios?

Cristo amou e morreu para que aqueles que Ele amou tenham uma vida infinitamente melhor!

Tenho menos de dois anos de casado, na verdade hoje se completa 1 ano e 7 meses e aí muitos vão pensar, aaaahhhh tá explicado! O Cavalcante pensa assim porque tá na lua de mel ainda! Meus pais fizeram 30 anos de casados ontem, 10/09/2013 e por mais altos e baixos, bicos e rusgas que já vi entre os dois, sempre vi um casal de namorados e isso me ensinou o que é o casamento!
Louvo a Deus pela vida da Gislaine, me pego olhando para ela e imaginando: É impossível não amar essa mulher! Eu morreria por ela e morro por dentro quando sei que não a fiz feliz naquele dia! Ela tem vários defeitos como TODAS as pessoa e tem horas que fico muito chateado com ela assim como o inverso também acontece, mas foi a mulher que Deus preparou para mim e nem nos meus maiores sonhos eu sonhei com alguém que fosse a metade do que ela é!

Quando eu não sei o como agir com meu casamento, quando estou muito chateado, eu oro e se eu esqueço de orar eu peço perdão a Deus, pois a minha natureza é muito falha e se fosse pelo meu eu não conseguiria amar como devo, pois sou nervoso, explosivo e pouco paciente.

Se você é solteiro, pense bem em tudo isso antes de casar, aliás, Paulo já falava em 1 Coríntios 7: 8 “Aos solteiros e às viúvas eu digo que seria melhor para eles ficarem sem casar, como eu.” Paulo disse isso referente ao controlar o desejo sexual, mas vejo que o casamento nesse caso é muito mais que isso. Acho muito mais fácil controlar o desejo sexual do que cumprir todos os ensinos de Cristo, então meu amigo se você não vai amar a sua esposa eu também aconselho que não case.

To cansado de ver homens trocando suas esposas por mulheres vulgares, mulheres que assim como eles não respeitam seus cônjuges e se entregam ao primeiro pedaço de carne que cruza seus caminhos. Que acham que estão enganando suas parceiras e no fundo estão é se enganando achando que são felizes.

Sexo passa, beleza passa, vida agitada e cheia de passeios e emoções passa. Mas o amor e a lembrança de tudo o que este amor fez fica para sempre!

“Senhor, me ajuda a amar a minha esposa como o Seu Filho nos amou. Corrige-me quando eu estiver errado e me ensina como dar a minha vida para que ela seja a mulher preciosa que o Senhor fez e para que seja feliz como o Senhor planejou! Perdão pelas lágrimas que já fiz brotar no rosto dela e pelas vezes que não fui o marido que Tu mandas! Abençoa o casamento daqueles que se encontram em crise ou que ainda não entenderam o sentido de amar! É isso que te peço em nome de Jesus. Amém”

Que Deus te abençoe cada dia mais.

Forte abraço


Cavalcante

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Salvando os Salvos

Gálatas 4: 8-20 (NTLH)

No passado vocês não conheciam a Deus e por isso eram escravos de deuses que, de fato, não são deuses. Mas, agora que vocês conhecem a Deus, ou melhor, agora que Deus os conhece, como é que vocês querem voltar para aqueles poderes espirituais fracos e sem valor? Por que querem se tornar escravos deles outra vez? Por que dão tanta importância a certos dias, meses, estações e anos? Estou muito preocupado com vocês! Será que todo o trabalho que tive com vocês não valeu nada?
 Meus irmãos, peço que sejam como eu. Afinal eu sou como vocês, e vocês não me ofenderam em nada. Lembram por que foi que lhes anunciei pela primeira vez o evangelho? Foi porque eu estava doente. Mas vocês não me desprezaram, nem me rejeitaram, embora o meu estado de saúde fosse uma dura prova para vocês. Pelo contrário, vocês me receberam como se eu fosse um anjo de Deus ou mesmo como se eu fosse Cristo Jesus. E como vocês estavam felizes! Eu posso afirmar que, se pudessem, vocês teriam arrancado os seus próprios olhos para me dar! O que foi que aconteceu? Será que agora, por ter dito a verdade, eu me tornei inimigo de vocês?
 Esses homens mostram grande interesse por vocês, mas a intenção deles não é boa. O que eles querem é separar vocês de mim para que vocês sintam por eles o mesmo interesse que eles sentem por vocês. É bom vocês terem um interesse sincero sempre e não somente quando estou com vocês. Meus queridos filhos, eu estou sofrendo por vocês, como uma mulher que tem dores de parto. E continuarei sofrendo até que Cristo esteja vivendo em vocês. Como eu gostaria de estar aí agora para poder falar com vocês de modo diferente! Estou muito preocupado com vocês.

Me deparei com este texto ontem enquanto voltava para casa, vi uma pessoa lendo a Bíblia no ônibus e tentei ver qual era o texto para que eu pudesse ler depois e lendo este trecho achei algo muito precioso.
Não precisamos falar muito sobre Paulo, alguém que Deus converteu de maneira sobre-humana e que deu grandes frutos depois de sua conversão, doou sua vida com amor para a missão de levar Jesus às pessoas, na verdade considerou sua vida insignificante diante desta missão se desprendendo de qualquer medo de morte. Mas o que me chamou a atenção nos versículos acima é a REAL preocupação de Paulo com estes irmãos. O sofrimento dele em ver alguns se desviando do caminho verdadeiro.

Lendo este texto tentando imaginar a emoção de Paulo, tentando ouvir sua voz como se estivesse dizendo estas palavras aos gálatas eu acredito que cheguei perto de ter uma noção do que se passava no seu coração.

Lembro quando me converti, estava convicto do amor de Deus, era como se tivesse conhecido alguém novo, algo extremamente maravilhoso, minha vida ainda tinha problemas, mas tudo parecia muito melhor, mas não só parecia como realmente estava muito melhor, eu realmente tinha conhecido alguém novo. Eu tinha acabado de ter consciência que relacionamento com Deus era muito mais do que eu tinha antes, que o amor dEle por mim era muito maior do que eu imaginava, eu percebia dali em diante que Deus se preocupava com TUDO em minha vida e que bastava eu confiar nEle para que eu tivesse sempre o melhor. Estava cheio daquela alegria e convicto da sua verdade, mas ao mesmo tempo eu estava apavorado, pois via muitas pessoas a quem eu amava não acreditando nesse amor de Deus, não aceitando o sacrifício de Jesus e por consequência não recebendo a salvação. Como isso doía em mim. Peguei-me várias vezes chorando, pois tudo o que eu fazia não surtia efeito sobre a vida dessas pessoas. Também me lembro do primeiro amigo que aceitou Jesus com uma ajuda minha, lembro-me da alegria dele, que assim como eu também tomara consciência de algo maravilhoso, lembro-me da alegria da sua esposa quando ligava no nosso trabalho e eu atendia e me contava tudo que estava mudando em sua vida, e mais ainda, vejo o quanto Deus fez na vida dele e o quanto ele é benção na vida dos outros.

No texto acima vemos Paulo falando a irmãos que foram convertidos através dele e que estavam se desviando do caminho verdadeiro, se lermos com atenção, vemos a aflição de Paulo vendo pessoas que ele ama voltando para um caminho de morte e condenação. Mesmo longe, mesmo com dificuldades, mesmo enfrentando diversas provações, Paulo nunca se esquecia de cuidar dos seus.
Infelizmente tenho alguns amigos que não estão mais no mesmo caminho de Cristo, amigos que resolveram pular para o banco do motorista e dirigir suas vidas novamente sem se quer deixar Jesus no banco do passageiro. Confesso que já sofri mais por estes amigos, confesso que já me preocupei mais com estes amigos e já orei mais por eles. Mas por comodismo, conformismo, egoísmo ou sei lá o que, hoje eu não sinto mais a mesma compaixão e tristeza que eu sentia e muitas vezes me pego em orações muito mais centralizadas na minha vida e de minha família do que na vida daqueles que eu amo ou talvez amava.

Vendo hoje o desespero de Paulo com o desvio dos seus “filhos”, como ele mesmo chama, senti vergonha. Senti vergonha das vezes que não orei por estes amigos, senti vergonha das vezes que não liguei, mandei e-mail, SMS ou qualquer outro contato. Senti vergonha de vezes que senti raiva e rancor de algumas atitudes deles. Senti vergonha de não ter o mesmo sentimento de Paulo.

Lendo este trecho: “E como vocês estavam felizes!” fico imaginando a alegria de Paulo em ver tanta felicidade naquelas pessoas que acabaram de receber Jesus e tomo ainda mais consciência do seu desespero em ver estas pessoas fraquejando.

Meus amigos que estão lendo este texto agora, tem alguém que foi importante na sua caminhada com Cristo e que se desviou deste caminho? Tem alguém que você conseguiu levar a Jesus, mas que hoje não tem mais noção do que está fazendo de sua vida? Tem alguém que você gostaria de ver sentindo esta alegria? O que você tem feito? O que acha de hoje você mandar um e-mail, fazer uma ligação, pedir perdão se necessário for e começar a orar por esta vida? Infelizmente quem me apresentou Jesus hoje está no banco do motorista de sua vida e todas as vezes que penso nisso sinto uma dor enorme no coração, mas mesmo assim em alguns momentos eu esqueço de orar por ele. Hoje eu gostaria de te encorajar a voltar para estas pessoas e lembrar elas do amor de Jesus! E se você está lendo este texto por acaso e não conhece esse amor todo, eu encorajo você a procurar alguém que te mostre o que é viver com Cristo, se você não tiver ninguém eu me comprometo a compartilhar isso com você! Mande um e-mail para o comentandoapalavra@gmail.com e me comprometo a te contar o que este Jesus fez em minha vida.

“Senhor me perdoa pelo amor que muitas vezes deixo de ter por meus irmãos, pelo amor por mim mesmo que muitas vezes é maior do que por qualquer outra pessoa, me perdoa por não cuidar dos Seus filhos como deveria. Coloca em mim o amor do Seu filho e mostra-me como resgatar aqueles que não mais andam no seu caminho. Ensina-me a vencer as trevas em nome de Jesus! Amém!”

Que Deus os abençoe, em nome de Jesus.
Com amor.

Cavalcante


segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Amigo de Deus

Romanos 5:10 (NTLH)
Nós éramos inimigos de Deus, mas ele nos tornou seus amigos por meio da morte do seu Filho. E, agora que somos amigos de Deus, é mais certo ainda que seremos salvos pela vida de Cristo.

Estive em um congresso de homens neste final de semana com dois grandes amigos meus, Marcelo e Rafael, aos quais considero dois de alguns dos irmãos que Deus me deu ao longo da vida, e mesmo sem ser o tema da pregação, ouvi durante um momento a frase: amigo de Deus, e fiquei com aquilo na cabeça.

Buscando hoje na Bíblia achei o versículo acima e também o versículo que está em Tiago 2:23 (NTLH) Assim aconteceu o que as Escrituras Sagradas dizem: “Abraão creu em Deus, e por isso Deus o aceitou.” E Abraão foi chamado de “amigo de Deus”.

Para tentar entender o que é ser amigo de Deus tentei primeiro tentar entender o que é ser amigo. Sou filho único, porém Deus ao longo do caminho me presenteou com amigos que valem mais que irmãos, e essas amizades edificam minha vida. Nessas relações sempre que podemos buscamos estar juntos, para dar risada, para contar problemas, para nos divertir, para nos alegrar e vejo o quanto o alegrar-se deles com minhas conquistas é verdadeiro assim também como é recíproco de minha parte. Quando um de nós está em dificuldades ou passando por um momento difícil vejo o quanto o outro também sofre. Já tive amigos que trocaram a noite de sono para ficar comigo em situações difíceis, ou amigos que sem me perguntar seu eu precisava, simplesmente fizeram algo por mim. Considero sem dúvidas que a amizade é um dos maiores presentes de Deus.

Estes meus amigos são falhos, são humanos que erram e decepcionam, mesmo vendo o quanto tomamos cuidado para que não nos machuquemos. Mas Deus é perfeito e vejo nos versículos acima a expressão amigos de Deus. Para Deus ser nosso amigo é fácil, até porque Ele é mais que amigo, é Pai. Ele é fiel, Ele é perfeito, Ele é amor. Mas e nós?

Eu oro pelos meus amigos, eu busco contato com eles, saber como estão, busco fazer coisas que lhes faz bem e busco sempre que posso ter um momento com eles e eis que vem a pergunta por que não fazer isso também com Deus.


Vejo que para ser amigo de Deus eu preciso fazer exatamente o que faço com meus amigos. Preciso:
Fazer coisas que o agradam: Hebreus 13: 16 Não deixem de fazer o bem e de ajudar uns aos outros, pois são esses os sacrifícios que agradam a Deus. – Hebreus 11: 6 Sem fé ninguém pode agradar a Deus, porque quem vai a ele precisa crer que ele existe e que recompensa os que procuram conhecê-lo melhor.

Passar tempo com Deus: Conversar com ele todos os assuntos de sua vida, as conquistas, as dificuldades, as angustias, as alegrias. Mateus 11: 28 Venham a mim, todos vocês que estão cansados de carregar as suas pesadas cargas, e eu lhes darei descanso.

Dar presentes a Deus: Romanos 12:1 Portanto, meus irmãos, por causa da grande misericórdia divina, peço que vocês se ofereçam completamente a Deus como um sacrifício vivo, dedicado ao seu serviço e agradável a ele. Esta é a verdadeira adoração que vocês devem oferecer a Deus.

E antes de tudo isso, devemos, sobretudo, aceitar o seu maior sacrifício por nós, o seu maior presente. João 3:16 Porque Deus amou o mundo tanto, que deu o seu único Filho, para que todo aquele que nele crer não morra, mas tenha a vida eterna. 

Queridos, percebi que ser amigo de Deus é aceitar seu filho como nosso Senhor e Salvador, é passar tempo com Deus, é conversar com Ele, conversando e investindo tempo com Ele saberemos o que Lhe agrada e fazer essas coisas que O agrada, é pedir conselho, perguntar qual o melhor caminho.

Significa nunca errar? Ser perfeito? Não. Pois só Deus é perfeito, mas assim como quando nós erramos com nossos amigos terrenos nós pedimos desculpas, também façamos com Deus, pedindo perdão sempre que não o deixarmos feliz.

Ser amigo de Deus. É isso que Ele quer de nós, pois é nosso Pai e todo pai quer ser amigo do seu filho. Viver como um grande amigo de Deus. Ser fiel nessa amizade e não trair a sua confiança e nem o seu carinho.

“Senhor, me ensina a te conhecer, me mostra as coisas que te agradam e me faz seu amigo, onde, sempre antes de qualquer atitude, eu pense no que estas irão Te causar. Ser fiel para com suas bênçãos e não trair a Sua confiança em mim. Obrigado por me amar Senhor e me ensina a Te amar como devo. Em nome de Jesus. Amém!”

Que Deus os abençoe e os faça Seus amigos.

Com amor em Cristo


Diego Cavalcante.

segunda-feira, 24 de junho de 2013

Amor de Pai

Salmo 139: 13-17
Tu criaste cada parte do meu corpo; tu me formaste na barriga da minha mãe. Eu te louvo porque deves ser temido. Tudo o que fazes é maravilhoso, e eu sei disso muito bem. Tu viste quando os meus ossos estavam sendo feitos, quando eu estava sendo formado na barriga da minha mãe, crescendo ali em segredo, tu me viste antes de eu ter nascido.
Os dias que me deste para viver foram todos escritos no teu livro quando ainda nenhum deles existia. Ó Deus, como é difícil entender os teus pensamentos!

Vou ser pai! Eu e minha esposa estamos grávidos há 10 semanas e tem sido maravilhoso acompanhar o desenvolvimento do nosso bebê. Há um site que mostra cada etapa da gravidez, o desenvolvimento do bebê, quais são as partes que estão se formando etc. e eu fico como um bobo vendo as ilustrações e imaginando que o nosso “presentinho” está mais ou menos daquele jeito.
Sempre sonhei em ser pai, mas agora com o sonho sendo realizado eu vejo que o amor que eu já sentia pelo meu filho, antes mesmo de conhecer minha esposa, só tem aumentado. Eu sou humano, apenas plantei uma semente que está sendo gerada em minha esposa, e amo tanto esta criança que nem formada está ainda. Fico imaginando Deus.

“Tu criaste cada parte do meu corpo; tu me formaste na barriga da minha mãe.” Eu fico imaginando como meu filho(a) está dentro de minha esposa, mas Deus vê! Sonhei com nosso bebê antes de conhecer minha esposa, mas Deus já sonhava com ele antes mesmo de criar o mundo. Estou ansioso para poder segurá-lo em meus braços e nove meses parecem uma eternidade, imagina a ansiedade de Deus que sonhou com cada um de nós mesmo antes de criar o mundo. É incrível pensar que Deus nos ama tanto! Fico imaginando “Sua cara de bobo” vendo sua criação sendo fecundada, crescendo, ouvindo seu primeiro batimento cardíaco, seu primeiro movimento no ventre. “Tu viste quando os meus ossos estavam sendo feitos, quando eu estava sendo formado na barriga da minha mãe, crescendo ali em segredo, tu me viste antes de eu ter nascido.”

Deus sabe de todas as coisas que acontecerão em nossas vidas, de todas as vezes que reconheceremos Seu amor, e de todas as vezes que viraremos as costas para Ele e mesmo assim Ele nos ama, amou, sonhou e sonha conosco. É incrível pensar no tamanho do amor de Deus, o próprio versículo diz: “Ó Deus, como é difícil entender seus pensamentos!”.

O que temos feito diante deste amor? Qual tem sido nossa relação com este Pai tão apaixonado por Seus filhos? Temos reconhecidos os sacrifícios que Ele tem feito por nós? Os presentes que Ele tem nos dado? O tempo que Ele tem quisto passar conosco?

Sei que chegará momentos que nossa criança poderá me machucar com algum ato ou palavra, mas não consigo me ver não amando esta criança e partindo daí começo a “entender” um pouco o amor de Deus para comigo.

Independente do que você tenha feito, das escolhas que tenha feito, das atitudes que tenha tomado e independente de quantas vezes você negou este Pai, Ele sempre estará lá esperando você abrir seu coração e aceitá-lo como Pai maravilhoso que é. Se você quiser basta aceitá-lo em sua vida para viver este amor que Ele tem por você!

“Senhor, Pai, perdoa meus pecados, perdoa as vezes que vivi sem a sua paternidade, aceito o sacrifício do Seu filho Jesus pela minha vida e O declaro Senhor e Salvador da minha vida e a entrego a Ti meu Deus, para viver a Tua vontade e os Teus caminhos! Em nome de Jesus, Amém.”

Pois, por meio da fé em Cristo Jesus, todos vocês são filhos de Deus. Gálatas 3: 26

Que Deus o abençoe grandemente

Com amor em Cristo

Cavalcante