sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Somos o irmão mais velho?



Lucas 15: 31
“Disse o pai: ‘Meu filho, você está sempre comigo, e tudo o que tenho é seu."

O versículo acima é a resposta do pai ao filho mais velho na conhecida parábola do filho pródigo. Como muitos sabem, seu irmão havia acabado de chegar em casa após esbanjar toda a sua herança e seu pai o recebe novamente como um príncipe (Lucas 15: 11-32).

O irmão mais velho se indignou por seu irmão receber tanta honra depois de uma atitude tão imprudente. Se achou injustiçado por sempre seguir o caminho correto do seu pai, trabalhando como um escravo e não ter sido contemplado com uma festa igual (Lucas 15: 28-30) e a resposta do seu pai é "Meu filho, você está sempre comigo, e tudo o que tenho é seu."

Quantas vezes deixamos de aproveitar as bençãos de Deus por não vê-lo como um Pai?

Temos uma relação de senhorio com Ele, apenas obedecendo, com medo do que pode nos acontecer se andarmos fora da linha, mas nunca o vendo como um pai amoroso que Ele é.

Ele é nosso Pai, está conosco, tudo o que é dEle é nosso (Romanos 8: 17).
O Seu amor é nosso;
O Seu carinho é nosso;
A Sua atenção é nossa;
As Suas bençãos são nossa;
As Suas disciplinas também são nossas.

O irmão mais velho nunca teve um novilho gordo morto por ele porque ele nunca se colocou como filho.

“O Senhor te abençoe e te guarde;

o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça;
o Senhor volte para ti o seu rosto e te dê paz."
Forte abraço
Diego Cavalcante
Este e outros estudos você encontra no blog http://comentandoapalavra.blogspot.com.br/ ou em nossa página no Facebook https://www.facebook.com/ComentandoAPalavra.
Siga-nos também no Twitter @comentapalavra e entre em contato pelo nosso Whatsapp (41)9808-3817

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Amor de pai


Marcos 5: 22-23 (NVI)
Então chegou ali um dos dirigentes da sinagoga, chamado Jairo. Vendo Jesus, prostrou-se aos seus pés e lhe implorou insistentemente: “Minha filhinha está morrendo! Vem, por favor, e impõe as mãos sobre ela, para que seja curada e que viva”.

Jairo era alguém muito importante, com status, alguém que poderia sofrer por pedir algo à Jesus, ou simplesmente ser visto com ele, mas ele simplesmente ignorou toda possível consequência e correu até Cristo para pedir por sua filha. Ela estava morrendo e humanamente nada poderia salvá-la. Mas Jairo foi sabendo que traria ajuda.

Todos os dias acordamos cedo, muitos pedem à Deus a Sua ajuda pra mais um dia e saem em busca de sustento para sua família, atrás do melhor para seus filhos. Muitas vezes isso lhe custa um tempo precioso com os seus pequenos ou não mais pequenos, mas o pai faz isso todo dia.

Muitos antes de sair de casa, mesmo com seus filhos dormindo, pedem à Deus por suas vidas e quando voltam ainda oram com eles e por eles.

Muitos se abstém de muitas de suas necessidades para que seus filhos tenham o necessário e também o que lhes é importante.

Muitos mesmo se esforçando não conseguem e sofrem duas vezes por isso, por saber que seu filho está passando necessidade.

Muitos tem posses, tem tempo, mas não se dão conta do tesouro que Deus os confiou e deixam os melhores momentos para babás, avós, professores, etc. etc.

Hoje pela manhã acordei com um "Dia papai!" e foi o momento mais lindo desse dia.

Ser pai dá medo, ser pai é desafiante, ser pai faz perder o sono, mas nada tira da memória aquele primeiro dia com aquele pedaço de céu nos braços. Nada apaga o primeiro sorriso, a primeira risada o primeiro "papai".

Ser pai é entender um pouco do amor que Deus sente por nós. Ser pai é a maior benção que Deus poderia ter nos dado. Ser pai é amedrontador e encorajador. Ser pai é simplesmente indescritível.

Sou grato a Deus por Ele ter me confiado a vida do seu filho para que eu cuide.

Se você é pai reflita sobre isso e desejo hoje um feliz dia dos pais, se ainda não é ore desde já para que Deus o capacite a ser o melhor pai do mundo para seu filho e se você é mulher e desempenha o papel de mãe e pai também vai meu abraço, se é casada, ore pela paternidade do seu marido e se for solteira ou ainda não tiver filhos, dê um alo para seu pai e diga o que sente por ele.

Feliz dia dos pais para todos nós.

"Senhor obrigado pela graça de poder ser pai. Te peço apenas que nos abençoe e nos ajude a cuidar dos filhos que o Senhor nos confiou. Nos inunde com o seu Espírito Santo. É o que te peço em nome de Jesus. Amém!"

“O Senhor te abençoe e te guarde;
o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça;
o Senhor volte para ti o seu rosto e te dê paz."

Forte abraço

Diego Cavalcante

Este e outros estudos você encontra no blog http://comentandoapalavra.blogspot.com.br/ ou em nossa página no Facebook https://www.facebook.com/ComentandoAPalavra.
Siga-nos também no Twitter @comentapalavra e entre em contato pelo nosso Whatsapp (41)9808-3817

terça-feira, 9 de agosto de 2016

Forças desiguais


2 Coríntios 6: 14 - 15
Não se ponham em jugo desigual com descrentes. Pois o que têm em comum a justiça e a maldade? Ou que comunhão pode ter a luz com as trevas? Que harmonia entre Cristo e Belial? Que há de comum entre o crente e o descrente?

Muitos se dizem cristão, crentes em Deus, mas poucos seguem os seus princípios, valores e medidas. Poucos pegam a Bíblia diariamente e buscam o que Deus tem para a sua vida, quais os seus ensinamentos, o como se deve proceder.

O jugo desigual é uma armadilha para o crente em todas as áreas da sua vida, porém principalmente em negócios e relacionamentos.

Como trabalhar de forma a honrar a Deus quando o seu sócio não crê nos mesmos valores e aceita os jeitinhos e manobras para "sobreviver" em um país onde os tributos "matam" os empresários? É melhor ceder ao sócio e ser repudiado por Deus? Não falo aqui de utopia, mas Jesus disse em Mateus 6: 21 “Então, deem a César o que é de César e a Deus o que é de Deus”.

Como construir uma casa, um lar ao lado de alguém que não crê no mesmo Deus que você? Como procederão com as velas do seu barco em dias de tempestade? Em Mateus 6: 24 está escrito que ninguém pode ter dois Senhores, então como pode uma casa ser edificada sob a ordenança de mais de um deus? Quando problemas de relacionamento vierem os dois não buscarão aconchego no mesmo colo.

Temos como missão resgatar os cativos do pecado, mas como missão maior ser imagem e semelhança de Cristo. Buscar, resgatar, manter contato, até mesmo uma amizade, não pode ser motivo para que o mundo interfira e altere a sua vida com Deus.

"Senhor dai-nos ciência para que não dividamos as coisas mais importantes, aquelas em que só podemos depender e confiar em Ti com alguém que não crê no Seu poder. Nos afasta das armadilhas do inimigo que disfarça o pecaminoso como belo. Nos blinda do mal Senhor com o Seu Santo Espírito. É isso que Te pedimos hoje em nome de Jesus. Amém!"

Que tal avaliar como estão os jugos da sua vida? Peça ao Espírito Santo para te ajudar a fazer isso e tomar coragem e formas de quebrar os elos errados.


“O Senhor te abençoe e te guarde;
o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça;
o Senhor volte para ti o seu rosto e te dê paz."

Forte abraço

Diego Cavalcante

Este e outros estudos você encontra no blog http://comentandoapalavra.blogspot.com.br/ ou em nossa página no Facebook https://www.facebook.com/ComentandoAPalavra.
Siga-nos também no Twitter @comentapalavra e entre em contato pelo nosso Whatsapp (41)9808-3817

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Templos Santos




Ageu 1: 8 (NVI)
Subam o monte para trazer madeira. Construam o templo, para que eu me alegre e nele seja glorificado, diz o Senhor.

No trecho acima o Senhor fala da reconstrução do templo, prédio. O templo é o lugar onde as pessoas de Deus se encontram para adorar a Deus.
Hoje também não é diferente, há prédios e construções feitos para que o povo de Deus se reúna como igreja.

Mas não é sobre este tipo de templo que Deus me leva a escrever hoje.
A palavra de Deus em 1 Coríntios 6:19 diz que nosso corpo é templo do Espírito Santo. Então se somos o templo do Espírito Santo, como temos cuidado deste templo?

No livro de Êxodo a partir do capitulo 35 vemos todo o cuidado e esforço que Deus e seu povo tiveram para com todos os detalhes da construção do templo. Se Deus se preocupou tanto com o templo prédio, você consegue imaginar como Ele se preocupa conosco?

Com o passar do tempo a degradação do corpo tornou-se uma coisa natural. Cada vez mais se torna normal fumar, se encher de remédios, sempre mais fortes, beber compulsivamente, usar drogas, ingerir alimentos cada vez menos saudáveis, não praticar exercícios e assim por diante e com isso reduzimos mais e mais o “prazo de validade” do nosso corpo e a duração da nossa vida.

O que estou querendo irmão não é dar uma lição de moral, ou coisa assim, mesmo porque eu não sou o melhor exemplo de vida saudável, mas quero te convidar a cuidar mais do corpo que Deus te deu, do seu primeiro e maior instrumento de adoração à Deus.

Se seu ministério é louvor ou pregação, como está a sua voz? Se é teatro, como esta sua expressão corporal? Se é edição de vídeo, como está a sua visão? Se é infantil, como está o seu condicionamento físico?

Te convido hoje a avaliar como está a sua vida, à ver como você tem cuidado do templo do Espírito Santo.
O que você acha de se cuidar mais, viver mais e com isso servir mais a Deus e trazer mais pessoas à Ele?

Que Deus abençoe o seu dia e que a sabedoria do Espírito Santo esteja sobre você.

Com amor em Cristo

Cavalcante

(Devocional escrito e publicado em 04/06/10, repostado hoje, pois foi exatamente a mesma mensagem que o Paizão quis que eu compartilhasse, 1 Coríntios 6: 19 "Será que vocês não sabem que o corpo de vocês é o templo do Espírito Santo, que vive em vocês e lhes foi dado por Deus? Vocês não pertencem a vocês mesmos, mas a Deus," porém relendo, vi que naquele dia Ele havia nos falado muito mais profundo sobre o assunto)

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Dar o melhor!

Malaquias 1: 14 (NVI)
“Maldito seja o enganador que, tendo no rebanho um macho sem defeito, promete oferecê-lo e depois sacrifica para mim um animal defeituoso”, diz o Senhor dos Exércitos; “pois eu sou um grande rei, e o meu nome é temido entre as nações”.

Quantas vezes, movidos pela emoção, prometemos o nosso melhor para Deus, mas depois não cumprimos?
Naquele momento do culto, naquela palavra na célula ou até mesmo em um momento de oração, sentimos o desejo de oferecer nosso tempo, um sacrifício, uma ação na igreja, etc. cheios de alegria e confiança, mas logo em seguida parece que nos arrependemos. Cumprimos o proposito por obrigação ou talvez nem lembramos dele.

Por que é tão difícil fazer as coisas para Deus?

Primeiramente, todo compromisso deve ser feito de forma racional, ciente da sua importância, evite fazer algo levado apenas pela emoção.

Efésios 6: 12 nos diz que "pois a nossa luta não é contra seres humanos, mas contra os poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais.". Ou seja, é difícil fazer as coisas para Deus por que somos levados ao contrário. O inimigo quer nos impedir e atrapalhar em tudo que é referente a Deus e seu reino.

Ao fazermos um propósito para o Senhor precisamos estar cientes de que talvez não seja fácil cumprir, mas que será mais que abençoador se cumprirmos.
Independente do que aconteça, não deixe de dar ao Pai o seu melhor.

"Senhor nos perdoe pelas vezes que não te damos aquilo que prometemos. Nos ajude a resistir as forças que nos levam para longe de Ti e não deixe que te deixemos triste. Envia Teu Espírito Santo para nos ajudar Pai. Te pedimos isso em nome de Jesus. Amém."

Que tal pensar se tem algo pendente ou que queira fazer para Deus e fazer da melhor forma?

“O Senhor te abençoe e te guarde;
o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça;
o Senhor volte para ti o seu rosto e te dê paz."

Forte abraço

Diego Cavalcante

Este e outros estudos você encontra no blog http://comentandoapalavra.blogspot.com.br/ ou em nossa página no Facebook https://www.facebook.com/ComentandoAPalavra.
Siga-nos também no Twitter @comentapalavra e entre em contato pelo nosso Whatsapp (41)9808-3817

sexta-feira, 22 de julho de 2016

Desviados, falsos e desviadores



2 Timóteo 3: 1 - 5
Lembre disto: nos últimos dias haverá tempos difíceis. Pois muitos serão egoístas, avarentos, orgulhosos, vaidosos, xingadores, ingratos, desobedientes aos seus pais e não terão respeito pela religião. Não terão amor pelos outros e serão duros, caluniadores, incapazes de se controlarem, violentos e inimigos do bem. Serão traidores, atrevidos e cheios de orgulho. Amarão mais os prazeres do que a Deus; parecerão ser seguidores da nossa religião, mas com as suas ações negarão o verdadeiro poder dela. Fique longe dessa gente!
Qualquer semelhança com a nossa atualidade ou realidade é mera coincidência não? Infelizmente não.
Vivemos sim em uma era exatamente como os tempos descritos por Paulo na sua segunda carta à Timóteo. Exatamente até mesmo na questão de que muitos dos descritos estão dentro da igreja.
Temos como chamado a busca por almas para Cristo, levar a verdade, trazer pessoas para o Pai, mas e quando essas pessoas já conheceram o caminho e se afastaram dele? Devemos deixá-las? A resposta é não, mas seguida de um porém.
Há pessoas que já conheceram, ou não conheceram a Palavra e que vivem de forma que não condiz com a vida com Cristo, em muitos casos essas tem um motivo para o desvio, uma decepção, uma revolta, mas em outros simplesmente abandonaram por conta própria e tem como sua missão afastar a outros ou apenas usar a religião para seu próprio bem. A esses Paulo ordena que nos afastemos. Tais pessoas são seguidas pelas sua convicções e não há nada que possamos dizer que irá mudar isso, ao contrário, há muito do que elas dizem que podem mudar o que nós sentimos.
Afaste-se delas.
Então vamos deixá-las ir para o inferno? Assim de braços cruzados?
De braços cruzados não, mas de joelhos dobrados, para estes casos existe apenas a opção da oração, pois nós somos totalmente limitados, mas Deus não. Não há nada que possamos dizer para que essas pessoas mudem, mas Deus tem e cabe à nós orar por elas, orar para que se convertam dos seus maus caminhos e que se voltem ao verdadeiro Cristo.
"Senhor, que a Sua Luz e o Seu Santo Espírito possa alcançar aos perdidos que não podemos alcançar. Que a Tua Presença nos afaste de todo engano e que o Espírito Santo mantenha em nós o seu discernimento. É o que te pedimos em nome de Jesus!"
Que tal agora você dobrar os seus joelhos e orar por aquelas pessoas que você conhece e que se enquadram nesse molde?
“O Senhor te abençoe e te guarde;
o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça;
o Senhor volte para ti o seu rosto e te dê paz."
Forte abraço
Diego Cavalcante
Este e outros estudos você encontra no bloghttp://comentandoapalavra.blogspot.com.br/ ou em nossa página no Facebook https://www.facebook.com/ComentandoAPalavra.
Siga-nos também no Twitter @comentapalavra e entre em contato pelo nosso Whatsapp (41)9808-3817

terça-feira, 19 de julho de 2016

Satisfeito com tudo, satisfeito com nada.

Filipenses 4: 12 (NVI)
Sei o que é passar necessidade e sei o que é ter fartura. Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome, tendo muito, ou passando necessidade.

Quando entregamos nossa vida à Deus, cremos (ou deveríamos crer) que Ele é quem toma conta de tudo a partir dali. Lógico que temos as nossas decisões, mas até mesmo para elas buscamos (ou deveríamos buscar) a sabedoria do Senhor. Logo seguindo este princípio, tudo o que nos acontece é por vontade e obra do Senhor.

Aaaaahhhh, mas e o sofrimento? E as angústias? Os "nãos"? As frustrações? Se sou totalmente dependente do Senhor essas coisas "ruins" também são da vontade dEle?
SIM.
Essas coisas são ruins porque nós não compreendemos o que estão por trás delas, não sabemos quais os planos de Deus para nossas vidas através dessas experiências. Um não ou um castigo que dou ao meu filho pode parecer um martírio para ele, mas embora doa mais em mim (hoje eu entendo essa frase) sei que aquele sofrimento gera crescimento, amadurecimento e sabedoria nele, mesmo que ele não entenda e não julgue justo.

Sendo tudo feito pela vontade de Deus, Paulo afirma algo fantástico, aprendi a contentar-me.

Segundo o Dicionário Online de Língua Portuguesa (http://www.dicio.com.br/contentar/) Contentar significa: Fazer com que alguém fique satisfeito; realizar os desejos de alguém; satisfazer as suas próprias necessidades; tornar-se alegre. Logo Paulo afirma que se satisfaz em toda situação, porque elas acontecem pela vontade de Deus.

Esse contentamento só acontece quando confiamos plenamente no Senhor, quando entregamos totalmente a direção de nossa vida à Ele.
Se você não está bem. Amém.
Se está bem financeiramente. Amém.
Se a cura não veio. Amém.
Se foi promovido. Amém.
Se está casado. Amém.
Se está solteiro. Amém.
Se é estéril. Amém.
Se tem muitos filhos. Amém.

Deus conhece todos os nossos sonhos e desejos, mas só Ele sabe quais são os melhores para nós.

"Senhor me ensina a confiar e contentar-me totalmente em Ti. Me ensina a aceitar as Suas vontades sejam elas boas ou ruins aos MEUS olhos. Ajuda-me a deleitar-me nas Suas vontades e sonhar os Seus sonhos. É o que eu te peço hoje em nome de Jesus. Amém."

Que tal consultar ao Pai qual a vontade dEle para sua vida e já de antemão agradecer por Ele te conceder o melhor?

“O Senhor te abençoe e te guarde;
o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça;
o Senhor volte para ti o seu rosto e te dê paz."

Forte abraço

Diego Cavalcante

Este e outros estudos você encontra no blog http://comentandoapalavra.blogspot.com.br/ ou em nossa página no Facebook https://www.facebook.com/ComentandoAPalavra.
Siga-nos também no Twitter @comentapalavra e entre em contato pelo nosso Whatsapp (41)9808-3817